fbpx
21.4 C
Belo Horizonte
quinta-feira, 21 / janeiro / 2021

Brasil registra 819 mortes e 41.906 casos nas últimas 24h

Mais Lidas

Bolsa Família começa a receber parcela de R$ 300

O Bolsa Família começa a receber as novas parcelas do auxílio emergencial de R$ 300 nesta quinta-feira (17). Com a mudança de valor, 4,9 millhões deixaram de ganhar o auxílio neste grupo, ou seja, 15% dos 19,2 milhões de inscritos em abril.

Bolsonaro veta perdão a dívidas de igrejas e sugere derrubada do veto

O presidente Jair Bolsonaro sancionou a lei que disciplina o acordo com credores para pagamento com desconto de precatórios federais.

Juiz de Fora confirma mais três óbitos e 94 novos casos nesta sexta

A cenoura é um vegetal com qualidades benéficas tanto para a saúde como para a estética. Ela é utilizada há muitos anos como remédio e também como bálsamo de beleza.

Governo qualifica rodovias e terminais portuários junto ao Programa de Parcerias de Investimentos

Ministério da Infraestrutura dá continuidade à projeto de desestatização e de concessões à iniciativa privada

O Brasil registrou, nas últimas 24 horas, 819 mortes e 41.906 novos casos do novo coronavírus. Os dados estão na atualização diária do Ministério da Saúde, divulgados pela pasta no início da noite desta terça-feira (6).

O número de óbitos em função da pandemia do novo coronavírus chegou a 147.494. Até ontem, o total era de 146.675. Outros 2.579 óbitos estão em investigação.

Os casos acumulados de covid-19 atingiram 4.969.141. Até ontem, o painel do Ministério da Saúde marcava 4.927.235 casos desde o início da pandemia.

Ainda há 468.776 pacientes em acompanhamento. Até o momento, 4.352.871 pessoas já se recuperaram da doença. Isso representa 87,6% do total de infectados pelo vírus no Brasil. 

Às terças-feiras, por causa de um acúmulo que ocorre nas notificações aos finais de semana, o número de mortes e de novos casos costuma ser maior.

Covid-19 nos estados

Nas últimas 24 horas, o estado de São Paulo registrou 270 mortes e 6.260 novos casos de coronavírus. É o maior número de mortes registrado em um único dia desde 22 de setembro, quando o estado computou 282 novas mortes. O recorde de mortes em um único dia ocorreu no dia 13 de agosto, quando foram computados 455 óbitos.

Com isso, o estado soma agora 36.490 mortes e 1.010.839 casos confirmados, desde o início da pandemia.

Do total de casos diagnosticados, 888.042 pessoas já estão recuperadas da doença, sendo 111.003 delas após internação.

Há 8.948 pessoas internadas em todo o estado em casos suspeitos ou confirmados do novo coronavírus, sendo que 3.908 delas estão em estado grave. A taxa de ocupação de leitos de unidades de terapia intensiva (UTI) é de 43,3% no estado e de 41,9% na Grande São Paulo.

Rio de Janeiro é o segundo estado com o maior número de mortes por covid-19 com 18.883, seguido por Ceará (9.084), Pernambuco (8.356) e Minas Gerais (7.704). As Unidades da Federação com menos óbitos são Roraima (661), Acre (668), Amapá (721), Tocantins (975) e Mato Grosso do Sul (1.376).

Boletim epidemiológico covid-19
Boletim epidemiológico covid-19 – Ministério da Saúde

Edição: Liliane Farias

- Publicidade -

Mais Notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -

Últimas Notícias

Só nas últimas 24h MG registra 120 óbitos por covid-19

Minas Gerais chega a quase 11 mil mortos por corona

Governador determina que PM intensifique fiscalização nas festas de fim de ano

governador Romeu Zema (Novo) convocou a Polícia Militar de Minas de Gerais (PMMG)

Renovação de CNH já pode ser solicitada pelo MG app

Mais de 70 serviços do Governo de Minas são disponibilizados no aplicativo

Anvisa certifica farmacêutica chinesa que desenvolveu CoronaVac

Resolução foi publicada hoje no Diário Oficial da União

Anvisa inspeciona voos procedentes do Reino Unido

Medida é para evitar propagação da variante do coronavírus