fbpx
26.9 C
Belo Horizonte
sexta-feira, 15 / janeiro / 2021

Covid-19: Minas registra menor taxa de ocupação de leitos desde o início da epidemia

Mais Lidas

PIB da construção civil deve crescer 4% em 2021

Expansão do setor pode ser a maior desde 2013

Conheça a FG Big Wheel, 2ª maior roda gigante do Brasil

A FG Big Wheel é a segunda maior Roda Gigante do país, perdendo apenas para a Rio Star no Rio de Janeiro.

Revista Cosmopolitan coloca duas brasileiras entre os bumbuns mais belos do Instagram

A revista Cosmopolitan fez uma lista com os 55 bumbuns mais belos do Instagram.

Brasileira é uma das vítimas do ataque em igreja de Nice, diz Itamaraty

Governo brasileiro repudiou o atentado e presta assistência consular

A taxa de ocupação de leitos é um dos indicadores monitorados diariamente pelas equipes da SES-MG para avaliar a situação da covid-19 em Minas Gerais. Em coletiva virtual desta terça-feira (15/9), o secretário de Estado de Saúde, Carlos Eduardo Amaral, destacou que Minas apresenta hoje as menores taxas de ocupação registradas desde março, quando teve início a epidemia no estado.

De acordo com o secretário, atualmente a taxa de ocupação dos leitos de UTI está em 62,36%, o que corresponde a 2.411 leitos ocupados, sendo, desse total, 865 ocupados por pacientes com suspeita da covid-19. Já no que se refere aos leitos de enfermaria, a ocupação em Minas Gerais está em 59,76%, com 1.521 pessoas internadas com suspeita da covid.

“Esses dados são muito importantes para nós porque representam as menores taxas de ocupação que já tivemos desde o início da epidemia no estado”, destacou Carlos Eduardo Amaral.

Atualmente, estão cadastrados no SUS fácil, em Minas Gerais, 20.926 leitos de enfermaria e 3.902 leitos de UTI.

O secretário de Estado de Saúde falou, ainda, sobre o índice de mortalidade por covid-19. “Minas apresenta hoje a menor mortalidade proporcional por cem mil habitantes do país, com o registro de 29,7 óbitos para cada cem mil habitantes. Essas informações reforçam a tendência de queda mencionada por nós nas últimas coletivas”, pontuou.

Atual cenário

Carlos Eduardo Amaral explicou que o razoável controle que o estado vem da epidemia é resultado de um trabalho coletivo de toda a sociedade.

“Começamos a ter uma queda nas notificações de óbito e nas solicitações por internação, mas eu gostaria de reforçar que esse trabalho coletivo de toda a sociedade não deve encerrar e todos nós devemos continuar nos cuidando para que possamos manter os mesmos níveis de resultados que tivemos até agora.

- Publicidade -

Mais Notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -

Últimas Notícias

Só nas últimas 24h MG registra 120 óbitos por covid-19

Minas Gerais chega a quase 11 mil mortos por corona

Governador determina que PM intensifique fiscalização nas festas de fim de ano

governador Romeu Zema (Novo) convocou a Polícia Militar de Minas de Gerais (PMMG)

Renovação de CNH já pode ser solicitada pelo MG app

Mais de 70 serviços do Governo de Minas são disponibilizados no aplicativo

Anvisa certifica farmacêutica chinesa que desenvolveu CoronaVac

Resolução foi publicada hoje no Diário Oficial da União

Anvisa inspeciona voos procedentes do Reino Unido

Medida é para evitar propagação da variante do coronavírus